policia militar de Barro Alto detém homem que queria fazer relação sexual a força com uma mulher

Capa » BARRO ALTO » policia militar de Barro Alto detém homem que queria fazer relação sexual a força com uma mulher
policia  militar de Barro Alto detém homem que queria fazer  relação sexual a força com uma mulher
Compartilhe agora:

De acordo com a polícia, a vítima explicou aos militares

Neste sábado, 30, a Polícia Militar de Barro Alto  realizou a detenção de um homem suspeito de violência sexual. O homem teria tentando estuprar uma mulher após ela se negar ter relação sexual com ele.

De acordo com a polícia, a vítima explicou aos militares que estava em frente sua casa tomando cerveja com o suspeito e uma terceira pessoa quando ele tentou ter relação sexual com ela. Diante da recusa, eles entraram em luta corporal lhe causando algumas lesões pelo corpo.

Ao conseguir se libertar das garras do agressor, a mulher acionou a polícia via 190 que localizou o suspeito nas proximidades e realizou a sua detenção, conduzindo-o em seguida para a Delegacia de Polícia de Goianésia.

A polícia informou que o suspeito possui passagem pela polícia pelo Artigo 155 (furto) e a vítima pelo artigo 129 (lesão corporal).

Tentativa de estupro também em Goianésia
Uma mulher de 22 anos, acionou a Polícia Militar na madrugada deste domingo, 31, na região oeste de Goianésia, onde teria sofrido abusos sexuais. Ela explicou aos policiais que estaria dormindo em um colchão na residência dos fundos, pois teria ido ao local acompanhando o enteado do suposto autor, e acordou com alguém praticando sexo oral nela.

A mulher afirmou aos policiais pensar ser a pessoa que ela estava acompanhando, pois estava escuro, no entanto, a mãe do suspeito chegou e surpreendeu os dois no ato, foi quando a mulher percebeu que quem estaria praticando o ato, na verdade, era outra pessoa. Se sentido constrangida, a mulher acionou a polícia via 190 e informou que o suspeito tentou estuprá-la.

Durante averiguação da denúncia, a mãe do suspeito relatou que seu filho chegou bêbado em casa e foi na residência dos fundos buscar um colchão, instantes depois ela foi até o local e encontrou os dois deitados no colchão, momento em que chamou os dois para a residência da frente.

Já o suposto autor confirmou que de fato praticou o ato com a suposta vítima, no entanto, teria sido com o consentimento dela, pois os dois já estavam trocando olhares e conversando.

Diante dos fatos, o SD Roberto e o SD Vieira conduziram os envolvidos para a Unidade de Pronto Atendimento – para realização de exame de corpo de delito e posteriormente para a Delegacia de Polícia para procedimentos cabíveis.

 

Contato: (62) 9 8499 0690
(clique para ligar agora)

informativocidades@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos requeridos estão marcados *

*